fbpx

Conheça uma das técnicas de avaliação do Senepol da Barra

A qualidade da genética do Senepol da Barra já está espalhada por todo Brasil, mas você sabe como a Fazenda Barra do Bom Jesus chega aos índices de sucesso conhecidos por todos?

+ LEIA MAIS: Empresário vê senepol como “raça do futuro”

Uma das formas de avaliação é o ultrassom de carcaça, que seleciona os animais superiores para produção de carne com precocidade. Essa técnica avalia quatro características.

AOL (área de olho-de-lombo) e AOL/100 kg

Mostra o potencial genético do animal para deposição de carne, a quantidade de carne que esse animal terá em sua carcaça.

Ratio (relação entre altura e largura da AOL)

Calculada para reduzir a influência de animais, que mesmo com alto valor de AOL (cm²) não apresentam enchimento de carne na carcaça. É uma medida muito importante na predição da musculosidade do animal.

EGS (espessura de gordura subcutânea)

É a gordura subcutânea e mostra o potencial que os machos terão em precocidade e que as fêmeas terão para entrar mais cedo em reprodução.

Marmoreio

Ligado diretamente à qualidade da carne, essa é uma medida qualitativa. O vai agrega em suculência e mais sabor da carne, e indiretamente na maciez dentro do contra filé do animal.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Como podemos te ajudar?